Educação financeira

Opinião
18 de maio de 2017
Multimercados
12 de junho de 2017

Oi, meu nome é Daniella Rolim e sou planejadora financeira. Certamente a primeira coisa que passa na sua cabeça nesse momento é que eu sou a pessoa mais “mão de vaca” que você pode compartilhar de um momento na sua vida, mesmo sendo essa breve leitura!

Mas não é bem assim, na verdade estou longe de ser a pessoa que planilha os gastos que tem inclusive com chiclete… É eu sei, você esperava que eu ia te falar que o segredo do sucesso financeiro é uma bela planilha multicolorida com os gastos relativos, inclusive, ao tamanho do pedaço de papel higiênico que você utilizou, não é?

Bom, vamos lá… Já estive de vários lados desse grande desafio que é controlar nossa vida financeira. Eu poderia começar falando da minha infância e tudo mais, mas o foco aqui é a AUTORRESPONSABILIDADE. A gente tem mania de falar que compramos, gastamos, erramos e muitas outras coisas. Devido à nossa criação, às vezes culpamos a situação econômica do pais, culpamos determinados partidos políticos e chegamos até a culpar nosso chefe pelo nosso salário, isso quando não falamos que a culpa é da inflação, quando na realidade algumas pessoas não sabem ao menos o que significa isso.

Eu começaria pela parte que considero a base de qualquer decisão na vida, seja ela amorosa, profissional, financeira e até mesmo que roupa usar no primeiro encontro, AUTOCONHECIMENTO. Estou falando sério, você sabe exatamente qual tamanho de calça e blusa você usa, mesmo quando precisa adquirir uma roupa sem provar, já sabe se ela vai te servir ou não, isso quando só de olhar você já sabe perfeitamente se a roupa vai “vestir” bem. Talvez essa parte fique mais claro para as mulheres, e sabe por que você consegue fazer isso? Simplesmente por conhecer seu corpo, uau, olha aí o AUTOCONHECIMENTO.

Quando você começa a fazer uma dieta restrita, começa a perceber quais alimentos te fazem mal. Quando inicia atividades físicas, consegue identificar a que te deixa mais feliz e te proporciona melhores resultados.

Na vida financeira, vai funcionar da mesma forma. Antes de se preocupar e achar que você não vai conseguir, pois colocar todos os seus gastos em uma planilha seria como tentar viajar para o litoral de São Paulo na véspera de ano novo, ou seja, uma tortura, comece descobrindo quem é você, isso mesmo, quem é você?

O que é mais importante para você?

Viver o momento, fazer coisas que te relaxam, quais atividades você gosta de praticar, o que você gosta de comer, onde você gosta de comer, quantos anos você tem, você trabalha, pretende trabalhar, até qual idade pretende trabalhar, você gosta de viajar, gosta de presentear amigos e familiares, gosta de estudar, ufaaaaa…. Enfim, você tem muitas perguntas para se fazer.

O objetivo é depois de descobrir quem você é, você precisa descobrir quanto você custa. É eu sei, pega mal falar assim, mas é que você acabou de descobrir que gosta de algumas atividades. Certamente essas atividades custam dinheiro, você só precisa saber quanto. Então, pelo menos agora, vale uma anotação, pode ser até no bloco de notas do seu smartphone, mas você precisa descobrir quanto custa manter essa vida.

Vou te dar uma dica: se, quando você terminar, descobrir que você custa mais do que você recebe, isso significa que sua vida não tem como melhorar? Não, definitivamente não… Você vai ter que fazer alguns ajustes, mas vou te dar uma ajuda.

Se você acha que a sua salvação é ganhar mais, esqueça, essa é uma solução que muito me agrada, mas se você não cuidar do seu dinheiro como toma cuidado para não derrubar café quente em suas mãos, ganhar mais só vai gerar mais gastos. Vamos fazer assim, para você que sabe o número do cartão de crédito decorado, tem alguma coisa errada aí, não acha?

Você acaba de saber quanto custa cada uma das coisas que você gosta de fazer, eu gosto de imaginar que a minha vida é um orçamento para festa de casamento, ou uma empresa, enfim, imagina que cada coisa que você gosta de fazer é um departamento da sua empresa, cada área terá o seu limite de investimento financeiro, por exemplo:

Eu gasto no mês com salão de beleza, maquiagem, restaurante, gasolina, cursos e financiamento de casa. O financiamento eu não vou conseguir mudar, afinal é uma dívida com um valor fixo, se eu subtrair todas as minhas dividas e obrigações de valor fixo do meu salário líquido. É muito importante que a conta seja feita com o salário que entra já descontado os impostos. Eu vou saber exatamente quanto de dinheiro eu tenho para investir nos meus departamentos. É muito importante que investimentos, poupança e doações sejam departamentos da sua vida. Mas isso eu vou te explicar melhor depois. Você sabe o preço médio dos serviços que você usa e dos lugares que frequenta, só será preciso definir quanto poderá ser direcionado para cada departamento, por exemplo:

Seu salário líquido é de R$2.500,00, o financiamento do seu apartamento, somado a conta de luz, água, condomínio, internet e telefone R$1.200,00, você realiza doações mensais de R$ 80,00, direciona R$ 250,00 para emergências e R$ 250,00 para investimentos de longo prazo. Seu fixo mensal será de R$ 1.780,00, sobrando então R$ 720,00. Esse valor será dividido da forma como você preferir para os seus departamentos. Podendo ser R$ 300,00 para restaurantes, R$ 100,00 para salão de beleza, R$ 50,00 para novas maquiagens, etc. Fica fácil assim. Quando eu falei que você não precisaria de uma planilha para se controlar, é porque dessa forma fica fácil se conhecer. Outra coisa, se você não sabe usar o cartão de crédito, esquece ele, pelo menos por enquanto, vamos falar dele também, logo logo. Agora mais importante do que você conseguir se organizar, é que seus familiares e amigos também se organizem, um amigo financeiramente problemático, pode de influenciar ou pior, te pedir dinheiro emprestado, então compartilhe esse texto com o maior número de pessoas que você goste, assim, a chance da amizade acabar será bem pequena.

Agora que você já se conhece, que tal montar seu orçamento? Assim vai ser fácil e rápido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *